Vistas da exposição
1 de 7
Obras
Slideshow
1 de 16
Thumbnails
Texto

24/02 – 25/03 2018

Trevor Shimizu: Oi Ken, eu estou escrevendo sobre a nossa próxima exposição juntos. Essa é a nossa primeira mostra desde HOT em 2012. Cinco anos atrás. No que você está metido desde então?
Ken Kagami: Fazem cinco anos desde a mostra HOT! Eu sinto que o tempo voou. Minha filha cresceu desde então – agora ela é uma estudante do ensino fundamental.
Trevor Shimizu: Isso é maravilhoso. As coisas estão muito diferentes?
Ken Kagami: Eu só pareço estar envelhecendo. Quanto ao meu trabalho, penso que está se tornando mais simples do que antes; e também mais visualmente polido, meu pensamento em fazer arte e como isso está estruturado tornou-se mais simples. Acho que ninguém percebeu isso…
Trevor Shimizu: O que você vai mostrar?
Ken Kagami: Para a nossa exposição eu venho pensado em um mix de diferentes corpos de trabalho. Para começar, tem uma série cômica de professor de arte contemporânea e a série missing que faz referência aos cartazes comumente vistos por toda a cidade; somente as coisas perdidas apresentadas no meu trabalho são impossíveis de perder; como por exemplo o trabalho missing anal ... Eu também estou fazendo uma série de trabalhos em escultura/texto que dizem, por exemplo, se você vê uma pintura chata, por favor, jogue-a fora nesta lata de lixo (esta escrita em uma lixeira de verdade) ou se você vê uma escultura chata, por favor, a quebre com este martelo (escrito em um martelo de verdade). Todos estes trabalhos são cínicos... Eu gosto especialmente de um novo trabalho feito com um travesseiro que diz, use este travesseiro como uma ferramenta de vendas. Espero poder criar um mix bem-sucedido para esta exposição.
Trevor Shimizu: Não tenho certeza do que estarei apresentando. Talvez The Late Works, Groupies ou Farts. Talvez todos eles. Todos são eróticos de alguma forma. The Late Works são supostamente pintadas por um eu no futuro - um homem heterossexual apaixonado pela forma feminina nua. A pintura The Fart que eu estou pensando em mostrar, representa um homem e uma mulher na cama, peidando, rindo, curtindo uns dos outros. A série The Groupies é baseada em perfis spams de Instagram de que me seguiram recentemente. Eu os chamo de Groupies porque seus perfis usam imagens e linguagens sexuais. Eles também desaparecem após um dia ou mais.
Trevor Shimizu: Qual o seu filme favorito?
Ken Kagami: Meu filme favorite é Dawn of the Dead [A Maldição dos Mortos Vivos].

Ken Kagami (Tóquio, 1974) vive e trabalha em Tóquio.
Suas obras foram destaque em mostras como: comedie concrète, MISAKO & ROSEN, Tóquio (2015); Green, What Pipeline, Detroit (2015); Bronze works 2013-2014, MISAKO & ROSEN, Tóquio (2014); 19516 kilometers from Milwaukee or 12126 miles, MISAKO & ROSEN, Tóquio (2013); THE FUTURE IS STUPID, The Green Gallery, Milwaukee (2013).

Trevor Shimizu (California, 1978) vive e trabalha em Long Island.
Suas obras foram destaque em mostras como: Trying To Be A Good Person, Rowhouse Project, Baltimore (2015); We Are All Cats, Karma International, Zurique (2015); comedie concrète, MISAKO & ROSEN, Tóquio (2015); Again, 47 Canal, Nova York (2014); Actor, The Vanity East, Los Angeles (2014); Whitney Biennial, Whitney Museum of American Art, Nova York (2014); Post, Kunsthal, Charlottenborg, (2013); Romantic, Chrisitine Mayer, Munique (2013); Hot, MISAKO & ROSEN, Tóquio (2012).

Menu